Arsec cobra ações eficazes da concessionária de Água e Esgoto

Nos últimos dias, algumas regiões de Cuiabá sofreram com a interrupção do abastecimento de água provocado por fatores externos em três Estações de Tratamento de Água: Tijucal, Ribeirão do Lipa e Sul.

ETA Tijucal – A Concessionária vem comunicando problemas na capital da ETA Tijucal desde 31 de dezembro de 2021. E desde então, a Arsec acompanha os trabalhos de manutenção da concessionária, no sentido de minimizar o impacto nas paradas. O problema recorrente nesta ETA se dá em consequência da alteração na qualidade da água bruta, onde há muitos sólidos no rio, o que provocou o mais recente problema nos dois bombeadores (titular e reserva).

“Na última quinta-feira (23/06), a equipe de fiscalização da Arsec foi à ETA Tijucal, para averiguar o tempo maior de paralisação das atividades. Constatou-se que o problema está na captação da água bruta e foi preciso parar todo o Sistema de Abastecimento para realizar a manutenção”, informa a superintendente de regulação e fiscalização dos serviços de Água e Esgotamento Sanitário da Arsec, Ildisneya Velasco.

ETA Sul – A concessionária comunicou um rompimento de uma rede de média tensão que fornece energia para a Estação de Tratamento de Água Sul no sábado (25/06). Esse evento trouxe como consequência a falha operacional em um transformador interno da unidade.

Ildisneya Velasco e equipe da ARSEC constatou que o problema na ETA Sul foi motivado por uma oscilação na rede de energia de média tensão. Portanto, houve a oscilação de energia, o que provocou o rompimento de um cabo na entrada da ETA.

Segundo informações da Concessionária no ato da vistoria, a Energisa fez a manutenção na rede de energia, mas, no que colocou em carga novamente, um transformador de dentro da ETA foi danificado e teve que ser substituído.  Isso aconteceu na sexta-feira (24/06), por volta de 01h45 da manhã e retornou o abastecimento gradual no sábado (25/06).

ETA Ribeirão do Lipa – Devido ao rompimento da adutora de água bruta que abastece a Estação de Tratamento de Água (ETA) Ribeirão do Lipa, no domingo (26/06), foi necessário realizar manutenção corretiva.

A equipe de fiscalização da Arsec esteve na ETA Lipa para verificar. Foram poucas horas de paralisação, das 19h às 23h, considerando que os reservatórios estavam cheios, o impacto no abastecimento foi menor.

“Percebe-se que foi uma sucessão de problemas causados por fatores externos. Porém a Arsec estará notificando a Concessionária no sentido de que sejam adotadas medidas preventivas mais rigorosas e eficazes. Problemas operacionais podem ocorrer num Sistema de Abastecimento de Água, que é muito dinâmico mesmo, porém são imprescindíveis ações que minimizem ao máximo os impactos; ações estas que vão desde a disponibilização de maior número de equipamentos reservas até outros procedimentos que diminuam o tempo de parada em caso de manutenções necessárias, de forma que a população não seja penalizada” , finaliza a superintendente de regulação e fiscalização dos serviços de Água e Esgotamento Sanitário da Arsec, Ildisneya Velasco.

© Copyright 2022